DROGASIL

VOCE ENCONTRA OS MELHORES PREÇOS DE SEUS MEDICAMENTOS NA DRIGASIL - VISITE-NOS.

LAVRAS NOSSA CIDADE

CONHEÇA LAVRAS - ANUNCIE AQUI

CIDADANIA

LIÇÃO DA CIDADANIA PARA O DIA A DIA - CUIDE DA SUA CIDADE

CONHEÇA OLIVEIRA

ANUNCIE AQUI

CONHEÇA ITAJUBÁ

ANUNCIE AQUI

CONHEÇA IJACÍ

ANUNCIE AQUI

ELEITOR CONSCIENTE

NÃO VENDA SEU VOTO ELEITOR! A VÍTIMA SERÁ VOCE MESMO.

VISTA PARCIAL DE LAVRAS

CENTRO DE LAVRAS VISTO DO JARDIM GLÓRIA

CONHEÇA PERDÕES

ANUNCIE AQUI

Delicioso Cardápio, venha ou peça que nós entregamos em domicílio!!!

Marmitex média 6, 00 grande 8, 00 - Em Lavras - Rua Alvaro Botelho próximo ao INSS

HUMOR

xxxxxxxx

TIRE ISSO DA SUA VIDA

VEREADOR FELIZARDO CHAMA O POVO DE IDIOTA DUTANTE A SESSÃO

sexta-feira, 22 de maio de 2015

AÇÕES DA PM EM PERDÕES E BOM SUCESSO.

Durante abordagem a PM prendeu um traficante em bom sucesso.

Em 21 de maio, na cidade de Bom Sucesso/MG, a PM durante patrulhamento na Praça Benjamim Guimarães, Centro abordou o veículo Fiat Siena, de Bom Sucesso/MG, o qual era conduzido pelo autor W.A.M., 32 anos, onde foi localizado no assoalho do veículo, próximo ao câmbio de marchas, 05 pedras semelhantes à crack, embaladas individualmente em invólucro plástico, prontas para o comércio. Diante do exposto foi dada voz de prisão ao autor, durante buscas em sua residência, foram apreendidos ainda R$600,00 em dinheiro. O autor conduzido para a Delegacia local.


PM através de uma abordagem simples apreende arma em perdões.
Em 22 de maio, na cidade de Perdões/MG, a PM durante patrulhamento no Pátio do Rodoporto Crossville, os militares perceberam que havia uma caminhonete Toyota Hilux, preta, de Carmo do Paranaíba/MG, com a luz interna acessa, sendo observado que havia 02 indivíduos. Ao ser procedida buscas foi encontrado 01 pistola 380 Millennium, municiada e carregada com 08 munições em poder de um dos ocupantes do veículo. Ao ser questionado S.S., 54 anos alegou, que o motivo de estar armado, é que trabalha como comprador de café e usa a arma para sua segurança, alegando ainda ter  porte de arma, registro, mas que no momento não portava nenhum dos documentos obrigatórios. Diante da situação os dois ocupantes do veículo foram presos e encaminhados à Delegacia de Polícia de Lavras, juntamente com a arma apreendida.

"Meritíssimo" ou "excelência"?



Meus queridos jusbrasileiros, sabemos que na área jurídica há formalidades cujo uso é preservado de há muito. Uma delas é referente a como se dirigir pessoalmente ao juiz numa audiência, por exemplo. 


Meritíssimo e excelência são os vocábulos mais comumente utilizados e os dicionários comuns chegam a atribuir a meritíssimo o sentido de sinônimo de juiz.

Porém, como sabemos, os dicionários comuns não conseguem - e é razoável que isto aconteça - penetrar nos meandros da linguagem técnica de todos os ramos do conhecimento, em especial do Direito.

É por isto que o excelente Cândido Dinamarco nos lembra que meritíssimo é um adjetivo que significa "de grande mérito”. Sendo um adjetivo, deve ele estar sempre acompanhando um substantivo. Pode-se, portanto, dizer meritíssimo juiz, mas deve ser evitado o uso do vocábulo meritíssimo isoladamente.

Assim, numa audiência – ato no qual a consideração e o respeito recíprocos devem ser a tônica – se a intenção for a de se dirigir ao magistrado de maneira solene, é preferível tratá-lo por excelência ou por meritíssimo juiz.

Vale anotar que não há qualquer reparo a ser feito ao uso da expressão senhor juiz, que, além de respeitosa, por ser mais simples, torna-se mais recomendável.

Dicas sobre o uso correto do vocabulário jurídico, pingos de processo e orientações para um melhor rendimento no estudo, além de interessantíssimos artigos estão em www.brasiljuridico.com.br. Trata-se de um espaço para quem busca o aprimoramento profissional. Outro endereço interessante é www.facebook.com/BrasilJuridicoCursos.

Muitos outros pingos, artigos, dicas sobre o uso correto do vocabulário jurídico e dicas para estudo estão na minha página no face: www.facebook.com/professorsalomaoviana.

quinta-feira, 21 de maio de 2015

DIVULGAÇÃO CREA CULTURAL - NÃO PERCA ESTE FIM DE SEMANA A CARAVANA ASTRONÔMICA


VEREADOR LAVRENSE COMPROVA NÃO ENTENDER NADA DE SUA FUNÇÃO E NÃO CONHECER NADA DO FUNCIONAMENTO DA CÂMARA.

O vereador Felizardo nos últimos tempos, vem comprovando um pouco a cada dia sua incompetência ou até mesmo má fé em suas atuações. Debaixo de sua arrogância muito bem orquestrado, pau mandado e manipulado pelos que parecem ser seus eternos donos, ele vem cometendo inúmeros erros consecutivos além de parecer agir de má fé. Prova a cada dia sua burrice e estupidez sem fim... O que se viu e ouviu nesta sessão da câmara passada foi a gota d'água... Foi a prova que faltava para mostrar que esse pseudo vereador deve ser muito burro e não sabe de nada ou age de caso pensado e planejado.

video

Vejam e ouçam o vídeo desse analfabeto político, que se auto intitula "vereador do povo". Este vereador fez uso da imagem de uma criança doente na internet, disfarçando-se de bom samaritano, quando na verdade esteve se auto promovendo. E no vídeo acima, ele acusa o prefeito de negar ou se recusar a atender sua demanda para apresentar os contra cheques do prefeito, vice-prefeito e secretariado, tentando criar uma situação fictícia, inventada em sua cabeça para fazer seu pequeno show diante da TV pedindo a cassação do mandato do chefe do executivo.  


O SHOW man business vereador Felizardo, fez sensacionalismo diante das câmeras da TV para tentar mais uma vez iludir a população com algo inventado e que ele simula acreditar cegamente. Acontece, que esses documentos são enviados a câmara todos os meses automaticamente e junto, todos os relatórios da folha de pagamento. É uma exigência do tribunal de contas e da lei de responsabilidade fiscal. Se ele fosse inteligente ou até mesmo agisse de boa fé, teria ido na secretaria da câmara e lá encontraria toda a documentação solicitada, na maior transparência possível.

Mas ficou bem claro que não era isso que o vereador mirim queria! O que ele quis foi representar o papel de bom moço, de correto e empenhado em alguma causa boa, acredito até que seja, ou seja, na sua própria causa. Este vereador não tem nada a oferecer a população, uma vez traidor traidor eternamente.

AÇÕES DA POLICIA MILITAR EM PERDÕES E PIRACEMA

Menor é apreendido com arma de fogo.

Em 18 de maio, na cidade de Perdões, a PM foi acionada a comparecer à Rua Basílio Cândido da Silva, Bairro Placedinos, onde a vítima Y.C.R.A., 19 anos, alegou que o menor E.J.A.R, 14 anos, de posse de arma de fogo teria o ameaçado, dizendo que teria ido até o local cobrar o mês. A vítima respondeu ao infrator que desconhecia o motivo da cobrança, tendo o menor infrator manuseado a arma vindo a municia-la e logo após saído do local prometendo retornar para acertar as contas com a vítima. De posse das informações, a PM iniciou um rastreamento em busca do menor infrator por diversos locais, sendo o mesmo localizado homiziado em uma mata que margeia a rodovia BR 354. Ao perceber a presença dos militares o infrator tentou evadir-se sentido a rodovia BR 354, momento que foi abordado e submetido a buscas, não sendo nada de ilícito encontrado. Ao ser questionado sobre a arma de fogo, o mesmo disse que havia escondido próximo à linha férrea. Após buscas a arma foi localizada envolta em uma sacola plástica e enterrada em um buraco, municiada com 01 (uma) munição intacta. Diante dos fatos o menor infrator foi apreendido, bem como a arma de fogo e munição, sendo acionada a sua representante legal para acompanhá-lo até a Delegacia de plantão.

Após denúncias PM prende traficantes.

Em 19 de maio na cidade de Piracema, a PM recebeu ligação dando conta que na Rua Entre Rios, Bairro Valongo, o cidadão J.A.O., 19 anos alvo de várias denúncias de tráfico de drogas, estaria cavando um buraco em um muro localizado em frente à sua residência, onde teria colocado certa quantidade de drogas no local. De posse das informações os militares deslocaram ao endereço, tendo abordado vários suspeitos, sendo encontrado no local denunciado cinco tabletes de maconha. Um dos abordados, W.G.S.K., 20 anos assumiu a posse dos entorpecentes a pedido de seu amigo. Do exposto foi dada voz de prisão em flagrante aos dois autores, sendo os mesmos encaminhados para Delegacia juntamente com a droga

quarta-feira, 20 de maio de 2015

Cacildo parece estar de volta a cena, ignorando as condenações eleitorais e criminais...

Cacildo parece estar de volta a cena: 
 
 


Mais condenações a vista e a ameaça de perder o cargo por ignorar por completo as condenações eleitorais e criminais, além do fato de estar em estágio probatório, Cacildo parece querer voltar, postando em "faces" e "blogs" anônimos. Pelo visto, ele acha que não será descoberto. 
É o problema dos espertos.....


Um Sarau para estimular o afeto nas relações humanas

Entre outras atrações o evento traz o cover do Capital Inicial com a banda 220 Volts, a inspiração da poetisa Maria Laura Machado e ainda disponibiliza um balcão para troca de livros

O Sarau ‘Beijo no Divã’ desta sexta-feira (22) vai além das expressões artísticas.  Com o sugestivo tema promete estimular afeto e reflexão, “a ideia é trazer à tona esse ato tão simbólico para as nossas relações humanas e nos fazer refletir sobre como temos usado o beijo.”, adianta Wender Reis um dos organizadores.
Uma novidade para entusiasmar e ao mesmo tempo incitar a economia solidária e a leitura.

Durante o evento livros poderão ser trocados. Um balcão vai facilitar o escambo entre apaixonados por literatura. Em meio a uma troca e outra os presentes vão prestigiar apresentações de artistas locais. A banda Capital Inicial e sucessos como ‘Veraneio Vascaína’ e  ‘Leve Desespero’ vão ser bem representados pela turma do  220 Volts. Essa é a segunda vez que o grupo liderado pelo vocalista Alan Cavalcanti vem ao Ecoetrix Parquescola, na primeira apresentação o público vibrou com a releitura do grupo brasiliense. 

O clima de festa vai continuar com o som acústico, remetendo ao clima de barzinhos, na apresentação voz e violão de Junior Machado.
Diversidade artística
Com a proposta de valorizar os talentos juvenis, a arte em suas diferentes manifestações vai ser bem representada pela poesia da estudante Maria Laura Machado que revela inspirar-se em fatos cotidianos, “nem sempre notados pelas pessoas com toda a correria. Eu paro alguns instantes para valorizar, por exemplo, o ato de um passarinho que alimenta seu filhote. Aquilo me instiga, vejo toda a beleza daquela ação.

Uma vez me disseram que enxergo o invisível, talvez seja realmente isso.”, define. Inspiração é o que também não falta para a artista Nick Luz que demonstra sua criatividade no artesanato. O Sarau ‘Beijo no Divã’ também abre espaço para a Exposição criativa ‘Eu no Mundo de Sofia’, idealizada por Raquel Bontempo e Sofia Telles.  Wender Reis instiga a participação dos varginhenses, “aqui no espaço da amizade e da cultura todos podem participar.

Você que já esteve conosco venha mais uma vez e para aqueles que ainda não conhecem nosso Sarau essa é uma ótima oportunidade para conhecerem.”, convida.  O Sarau no Ecoetrix Parquescola começa a partir das 19h na Rua Domingos Pereira Braga, 75 no centro de Varginha.

O evento tem o apoio da Associação Oficina do Ser e da Relojoaria Central. Mais informações pelo (35) 3221-9537.

terça-feira, 19 de maio de 2015

STF reafirma o poder de investigação do MP – hermenêutica constitucional importante!

Aos que militam com o direito, em especial aos “concurseiros”, um tema que estará pulsante nas próximas provas dos principais concursos jurídicos do país, que retorna ao seio jurídico das prioridades após decisão do STF que tardou uma década mas não falhou em seu compromisso de tutelar o Estado Democrático de Direito.


Em sessão realizada nesta quinta-feira (14), o Supremo Tribunal Federal (STF) reconheceu a legitimidade do Ministério Público (MP) para promover, por autoridade própria, investigações de natureza penal e fixou os parâmetros da atuação do MP. Por maioria, o Plenário negou provimento ao Recurso Extraordinário (RE) 593727, com repercussão geral reconhecida. Com isso, a decisão tomada pela Corte será aplicada nos processos sobrestados nas demais instâncias, sobre o mesmo tema.

Entre os requisitos, os ministros frisaram que devem ser respeitados, em todos os casos, os direitos e garantias fundamentais dos investigados e que os atos investigatórios – necessariamente documentados e praticados por membros do MP – devem observar as hipóteses de reserva constitucional de jurisdição, bem como as prerrogativas profissionais garantidas aos advogados, como o acesso aos elementos de prova que digam respeito ao direito de defesa. Destacaram ainda a possibilidade do permanente controle jurisdicional de tais atos.

O julgamento foi retomado hoje com a apresentação do voto-vista do ministro Marco Aurélio, que deu provimento ao recurso por considerar que o Ministério Público não possui legitimidade para, por meios próprios, realizar investigações criminais. Afirmou Marco Aurélio: “O MP, como destinatário das investigações, deve acompanhá-las, exercendo o controle externo da polícia”.

A ministra Rosa Weber, no entanto, filiou-se à corrente que negou provimento ao RE (majoritária). Para ela, a colheita de provas não é atividade exclusiva da polícia, contudo o poder de investigação do Ministério Público deve ter limites, “que têm sido apontados em fartas manifestações de precedentes da Corte”. Do mesmo modo votou a ministra Cármen Lúcia, que reconheceu a competência do MP para promover investigações de natureza penal. “As competências da polícia e do Ministério Público não são diferentes, mas complementares”, ressaltou ao acrescentar que “quanto mais as instituições atuarem em conjunto, tanto melhor”. Já o ministro Dias Toffoli acompanhou o voto do relator, ministro Cezar Peluso (aposentado), pelo provimento parcial do recurso, reconhecendo a atuação do MP em hipóteses excepcionais.

O ministro Celso de Mello, destacou partes de seu voto proferido em junho de 2012 e propôs a tese fixada pelo Plenário acerca do tema. Ele ressaltou que a atribuição do Ministério Público de investigar crimes deve ter limites estabelecidos e fez considerações sobre alguns requisitos a serem respeitados para tal atuação. A tese acolhida foi: “O Ministério Público dispõe de competência para promover, por autoridade própria, e por prazo razoável, investigações de natureza penal, desde que respeitados os direitos e garantias que assistem a qualquer indiciado ou a qualquer pessoa sob investigação do Estado, observadas, sempre, por seus agentes, as hipóteses de reserva constitucional de jurisdição e, também, as prerrogativas profissionais de que se acham investidos, em nosso País, os Advogados (Lei 8.906/94, artigo , notadamente os incisos I, II, III, XI, XIII, XIV e XIX), sem prejuízo da possibilidade – sempre presente no Estado democrático de Direito – do permanente controle jurisdicional dos atos, necessariamente documentados (Súmula Vinculante 14), praticados pelos membros dessa instituição”.

Dessa forma, os ministros Gilmar Mendes (redator do acórdão), Celso de Mello, Ayres Britto (aposentado), Joaquim Barbosa (aposentado), Luiz Fux, Rosa Weber e Cármen Lúcia negaram provimento ao recurso, reconhecendo base constitucional para os poderes de investigação do Ministério Público. Votaram pelo provimento parcial do RE o relator, ministro Cezar Peluso (aposentado), e os ministros Ricardo Lewandowski e Dias Toffoli, que reconheciam a atribuição do MP em menor extensão. Já o ministro Marco Aurélio (“o divergente por essência”) concluiu pela ilegitimidade da atuação do parquet em tais casos.

Seria de fato um retrocesso inominável, à nosso sentir, o impedimento do MP de sua competencia para investigações criminais. A eficiência das investigações policiais, por uma série de razões, é muito baixa, e a aprovação da exclusividade para investigar agravaria mais ainda a impunidade. 

Não é demais lembrar que, apenas o Ministério Público conta com as garantias constitucionais que asseguram sua independência em face de autoridades do Poder Executivo nas diversas esferas, assim como nos poderes de requisição do órgão. 

Em verdade, o MP nunca procurou a exclusividade no poder investigatório, quem sempre patenteou esta ideia foi a Polícia por uma questão de ego e o Poder Executivo por uma questão de “busca pela impunidade”.

O papel do MP não é o de pegar uma arma com o objetivo de fazer diligências, papel exclusivo da polícia. Seu papel é o de investigar crimes de colarinho branco, requisitar dados sigilosos, apurar casos de corrupção, isso pode ser feito, com economia de recursos, com a estrutura do Ministério Público, liberando-se a polícia para atuação em outros casos e/ou conjuntamente com o Ministério Público.
Podemos firmar que, a atuação em parceria da polícia ao lado do Ministério Público com vistas à persecução criminal, aparelhando as duas instituições com material tecnológico/instrumental e humano é o que se espera de um Estado Democrático de Direito.
Mas onde está o fundamento constitucional do poder investigatório do Ministério Público para que não se advoque que a decisão do STF teria extrapolado suas atribuições em mais um ativismo judicial não autorizado?

A legitimidade dos poderes investigatórios dos membros do Ministério Público está assentada em bases constitucionais e infraconstitucionais, revelando-se indubitável a compatibilidade de sua atuação direta na atividade investigatória com as finalidades da Instituição, previstas nos incisos I a VIII do artigo 129 da Constituição Republicana. O inciso IX do dispositivo constitucional em comento encarrega-se de abrir uma válvula de escape, após enumerar as funções institucionais do Ministério Público, fixando norma de encerramento segundo o qual lhe cabe “exercer outras funções que lhe forem conferidas, desde que compatíveis com suas finalidades”.

Observa-se, da análise desse preceito, que a atividade investigatória se coaduna com as finalidades da instituição, cuidando-se, deveras, de um poder que se encontra implícito na função acusatória que lhe foi conferida constitucionalmente.

Este entendimento legitimador da atuação ministerial vem corroborado com a lei Complementar nº 75/93 (Estatuto do Ministério Público) que prevê, sem restringi-las ao âmbito civil, diversas atividades investigatórias do Parquet, no seu artigo , incisos I, II, IV, V, VI, VII, VIII e IX, destacando-se as atribuições de “realizar inspeções e diligências investigatórias”, “expedir notificações e intimações” e “requisitar informações, perícias, e documentos”. A mesma legislação, no artigo , inciso VI, prevê a possibilidade de o Órgão Ministerial “exercer outras funções previstas na Constituição e na lei”, e no inciso XIV, lhe outorga o encargo de “promover outras ações necessárias ao exercício de suas funções institucionais”.

A fatídica PEC 37 foi um mal devidamente expurgado, este RE corroborou o entendimento de que o Ministério Público é uma Função Essencial do Estado que não pode restar esvaziada sob pena de um profundo comprometimento do Estado Democrático de Direito e perpetração da impunidade dos "crimes de colarinho branco". Esperamos que o STF haja jogado uma pá de cal definitiva nas pretensões antidemocráticas e vis de calar parcela fundamental do MP e de nossa ainda recalcitrante democracia. 

A partir destas anotações apenas confirmadas pelo Supremo Tribunal Federal, não há que se falar em monopólio das investigações por parte da Polícia Judiciária. Defendemos inobstante, na forma que sustentamos em outro artigo de nossa lavra, uma maior autonomia à Polícia Federal para que em momento algum sinta-se refém do Poder Executivo.

Aos interessados, segue:
STF reafirma o poder de investigao do MP hermenutica constitucional importante

O que fazer hoje para ser um advogado de sucesso amanhã

Curso gratuito ocorrerá dia 26 de maio na OAB-RJ 

Sob o título “O que fazer hoje para ser um advogado de sucesso amanhã?”, o Instituto Diálogo oferece em parceria com a OAB-RJ um curso gratuito para advogados, estagiários e demais profissionais do direito.


O minicurso será ministrado pelos advogados Felipe Asensi, Marcello Leal e Rogerio Borba, que possuem uma ampla experiência no mercado da advocacia e atuam como consultores do Instituto Diálogo. Segundo Felipe Asensi, “este curso desperta um olhar diferenciado dos participantes para que possam, desde já, se prepararem para as mudanças de mercado que virão”.

Vale dizer que o curso está inserido nas atividades do evento “Qual o futuro da advocacia?”, que tem o JusBrasil como apoiador especial e será realizado no dia 26.05.2015 na sede da OAB-RJ.
A temática do encontro envolve a gestão dos escritórios e departamentos jurídicos, marketing jurídico, planejamento estratégico, e outros temas essenciais para a advocacia contemporânea. 

Advogados, estagiários e demais profissionais do direito podem se inscrever gratuitamente pelo site http://institutodialogo.com.br/evento-oab/. Acompanhe a programação abaixo:
17 às 18:30 - MINI-CURSO: Felipe Asensi (UERJ), Marcello Leal (UNYLEYA) e Rogério Borba (OAB)
Tema: O que fazer hoje para ser um advogado de sucesso amanhã?
* Contabilizam 2h de estágio pela OAB-RJ
18:30 às 19:30 - MESA-REDONDA: Renan Aguiar (OAB), Marcello Leal (UNYLEYA), Renata Amaral (EACF Adv), Alexandre Tolipan (IAB), Rogerio Borba (OAB)
Tema: Planejamento estratégico na advocacia
19:30 às 20:30 - MESA-REDONDA: Felipe Asensi (UERJ), Márcio Caldas (IBMEC), Vania Aieta (UERJ), Gustavo Kloh (FGV), Dones Nunes (IBMEC)
Tema: Os escritórios na era da tecnologia: gestão, clientes e resultados
20:30 – Coquetel de Lançamento do Instituto Diálogo



Felipe Asensi
Pós-doutor em Direito. Advogado e cientista social. Coach, palestrante e escritor. Professor adjunto da UERJ. Diretor do Instituto Diálogo. Site: www.felipeasensi.com.b

 

Taxista pode negar a corrida ao passageiro quando a distância é pequena?

Taxista pode negar a corrida ao passageiro quando a distncia pequena
Caros amigos Jusbrasileiros,
É mais comum do que imaginamos, principalmente nos grandes centros, a existência de taxistas que se negam a transportar o passageiro quando o trajeto da corrida é pequeno, ao argumento de que o atendimento seria economicamente inviável para o motorista.
Pois bem.

Poucos consumidores sabem, mas essa prática é considerada abusiva pelo Código de Defesa do Consumidor. Notem o que diz o art. 39, inciso II, do CDC:
Art. 39. É vedado ao fornecedor de produtos ou serviços, dentre outras práticas abusivas:
(...)
II - recusar atendimento às demandas dos consumidores, na exata medida de suas disponibilidades de estoque, e, ainda, de conformidade com os usos e costumes.
Sendo assim, tendo a possibilidade de transportar o passageiro (consumidor), isto é, estando com o táxi livre, o taxista, na condição de fornecedor de serviço (vide art. 3º e seu § 2º do CDC), não pode se recusar a prestar o serviço; não pode selecionar seus clientes. Ao disponibilizar o serviço, o taxista assume a obrigação de atender o passageiro, sob pena de incorrer, inclusive, em crime contra as relacoes de consumo, tipificado no art. 7º, inciso VI, da Lei nº 8.137/90, assim redigidos:
Art. 7º Constitui crime contra as relacoes de consumo:
(...)
VI - sonegar insumos ou bens, recusando-se a vendê-los a quem pretenda comprá-los nas condições publicamente ofertadas, ou retê-los para o fim de especulação.
Pena - detenção, de 2 (dois) a 5 (cinco) anos, ou multa.
Portanto, fica mais essa dica para os consumidores, a fim de que exijam seus direitos e não se deixem enganar pelos motoristas mal intencionados, que só visam auferir grandes vantagens.
Um abraço, e até a próxima!

São brasileiros como esses policiais que salvarão o Brasil




A notícia que vou reproduzir abaixo é a mais importante do Brasil dos últimos dias. Não estou exagerando. Pare tudo o que estiver fazendo e leia até o fim. É uma matéria publicada pelo jornal “O Popular”, de Goiânia, que me foi enviada pela diretora de redação da Zero, Marta Gleich:
“O eletricista desempregado Mário Ferreira Lima foi detido na quarta-feira (13), após tentar roubar carne de um mercado em Santa Maria, no DF. Ele contou que achou que já tivesse recebido os R$ 70 do Programa Bolsa Família e foi ao mercado comprar banana, pão e carne. Na hora de pagar as compras, percebeu que só tinha R$ 7 e tentou esconder a comida na bolsa. A ação foi flagrada pelas câmeras do local e o dono acionou a polícia. Na delegacia, o homem desmaiou ao ouvir que ficaria preso. Segundo o agente Ricardo Machado, ele contou que estava sem comer há dois dias, pois deixou o filho consumir o único pão que havia em casa. Uma agente pagou o valor da fiança – R$ 270 –, enquanto outros colegas decidiram arrecadar dinheiro para comprar mantimentos para o homem. Quatro policiais acompanharam o eletricista até o supermercado, onde compraram arroz, feijão, macarrão, biscoito e itens de higiene para ele e o filho._ Ele cuida da casa e do menino pela manhã e à tarde vai atrás de bicos, mas não conseguiu nada nos últimos dois meses. A gente sabe que o crime não é certo, mas eu me ponho no lugar. Imaginei a minha filha passando fome. O que eu não faria nessa situação? _ questionou Machado”.
Terminei de ler esse texto com a garganta fechada de emoção. Talvez devesse elogiar o governo porque dá R$ 70 para brasileiros como esse eletricista desempregado. Talvez devesse criticar o governo porque não cria condições para que brasileiros como esse eletricista tenham emprego e renda e não precisem roubar para comer. Talvez devesse lembrar da corrupção que suga bilhões enquanto brasileiros passam necessidade. Prefiro pensar em outros brasileiros. Nos agentes que se reuniram para ajudar o eletricista. São brasileiros como esses que salvarão o Brasil.

Foto de 'peixe que teria pés' gera polêmica nas redes sociais

Esta criatura foi achada em uma lagoa no estado do Colorado. A foto se transformou teve efeito viral e alcançou mais de 790 mil visualizações.
 
Imagem bizarra mostra suposto peixe que parece ter pés (Foto: Reprodução/Imgur/BobbyandStacieKent)
O americano Bobby Kent publicou no Imgur uma imagem bizarra de um suposto peixe que parece ter pés. Segundo ele, seu vizinho encontrou a criatura em uma lagoa no estado do Colorado, nos EUA.

Publicada há três dias, a foto se transformou em viral e alcançou mais de 790 mil visualizações, além de gerar dezenas de comentários.

Para alguns usuários, seria um axolote (Ambystoma mexicanum), espécie de salamandra. Outro, no entanto, destacou que o axolote não é encontrado no estado e acredita que seja, na verdade, uma salamandra-tigre (Ambystoma tigrinum).
Na verdade, isso não tem cara de salamandra alguma! 

Fonte: G1

FERROVIAS PARECEM FICAR EM SEGUNDO PLANO NO GOVERNO DO ESTADO E SERVIÇO UAI EM LAVRAS, PELO VISTO, VIROU CABIDE DE EMPREGOS DO DEPUTADO FÁBIO CHEREM

Especialmente para nosso grupo de defensores da ferrovia, o atual governo do Estado parecia nos uma luz no fim do túnel... A grande verdade, é que se imaginava um pós campanha de mudanças reais, não apenas frases montadas de períodos eleitorais. Espera-se um governo montado com cargos mais técnicos e que se ouvisse mais o terceiro setor e a sociedade com relação a mobilidade urbana. Porém, as eleições ficaram no passado, com elas pode ter ido também a esperança de que Minas tome um rumo completamente novo nas questões de mobilidade urbana. 

Há pouco tempo nosso grupo teve uma reunião com o secretário de Transportes de Minas Gerais Murilo Valadares. O objetivo da reunião era colocar que, se o novo governo de Minas quisesse fazer diferente do que fizeram nos últimos 60 anos, onde apenas se assistiu ao desmonte do sistema ferroviário mineiro, então tínhamos muito a conversar, contribuir e sugerir com coisas importantes, várias das quais a custo zero e outras com resultados a curtíssimo prazo. Parece que iremos ter mais 60 anos bem iguais aos últimos 60.

Para quem achava que o Secretário iria encompridar a conversa, a decepção foi total.

Ficou claro que não fomos entendidos na nossa proposta e que o Secretário não tem visão política alguma para entender o alcance do que estávamos colocando na mão dele. O Secretário depois dessa entrevista, pareceu-nos ser um "tocador de obra" eficiente até pode ser, mas não se pode esperar que tenha todos os predicados.

Portanto, se a questão ferroviária for avançar neste governo mineiro atual, não será a partir do empenho e da visão daquela Secretaria. Mas, a esperança ainda não se extinguiu porque, como na fala do nosso acompanhante e quem criou nossa sugerida FRENTE PARLAMENTAR FERROVIÁRIA na Assembleia Legislativa Dep. Paulo Lamac, este foi apenas o primeiro round.


SEM CONTAR O DESMANTELAMENTO DO UAI EM LAVRAS.



Em Lavras o Dep. Fábio Cherem com as devidas bênçãos do governador, indicou cargos para o UAI. Todo deputado tem o direito de indicar cargos, isso é de conhecimento de todos, porém, o que se viu ocorrer no no UAI foi o desmantelamento dos serviços que logo apresentarão problemas à comunidade. A pior parte foi ver as profissionais treinadas chefes e coordenadoras dos serviços, serem destituídas de seus cargos e obrigadas a ensinar seus substitutos despreparados.  

Da arrepio ver a filha do Reitor da Ufla e a ex secretária de Administração do ex-prefeito Marcos Cherem, mandarem naquele serviço sem o mínimo conhecimento, além daquela tropa que elas levaram junto, ou seja, Alex, "Odirley" o Calixto eterno dependente e sempre presente na folha de pagamento dos Cherem, além de outras corriqueiras e costumeiras barraqueiras de plantão, que certamente só irão encher linguiça, no lugar de atender bem. 
Adeus Uai!

As perguntas nesse caso são: Sendo o cidadão o principal beneficiado com os serviços do UAI, como ficará a qualidade dos serviços prestados ali? Será que o Governador está atento a isso? Não acredito que o atual Governador, homem de um discurso intelectual e técnico, cometeria esse erro tão cruel com a comunidade. Não foi ele mesmo quem prometeu fazer tudo diferente dos outros governos? Pois é...

segunda-feira, 18 de maio de 2015

Atendimento nas tendas do Exército na SELT diminui movimento em até 80% na URPA

Estrutura montada pela Prefeitura já atendeu mais de 1.200 pacientes no local desde o dia 7 de maio



Iniciado no dia 7 de maio passado, o atendimento aos pacientes com suspeita de dengue nas barracas do Exército, na Secretaria de Esportes, Lazer e Turismo – SELT, já aliviou em 80% o movimento na Unidade Regional de Pronto-Atendimento (URPA), e em 30% na Santa Casa e Hospital Vaz Monteiro. Mais de 1.200 cidadãos com suspeita de dengue já foram atendidos no local até esta sexta-feira (15/05) pela equipe de médicos, enfermeiros e técnicos de enfermagem da Secretaria Municipal de Saúde.


A estrutura montada funciona com três tendas equipadas com toda a infraestrutura necessária para triagem, medicação e hidratação dos pacientes, que vêm elogiando a infraestrutura montada e o atendimento médico. O atendimento funciona de 2a a 6a feira, ininterruptamente, das 7h às 18 horas. A equipe de profissionais conta com dois médicos, quatro enfermeiros e cinco técnicos de enfermagem que atuam nas unidades de saúde do município, além de dez estagiários de enfermagem e técnicos de enfermagem da UNILAVRAS. Cinco atiradores do Tiro de Guerra dão apoio a todo o trabalho.

Elogios ao atendimento

A aposentada Dejanira de Souza Pereira, 65 anos, foi atendida como prioritária. Ela se disse satisfeita pelo tratamento recebido, mas se preocupa com a falta de consciência dos cidadãos em relação aos riscos da doença. “Os casos não vão diminuir se as pessoas não cuidarem de seus próprios quintais. A dengue não tem nada a ver com o prefeito. É o povo que não limpa suas casas, que deixa lote sujo, se cada um cuidasse do seu não teria isso”, disse.

A administradora de empresas Lúcia Helena Brasiel  já sabia do atendimento nas tendas e se dirigiu diretamente para a SELT. “Aqui  está muito bom, e o atendimento está ágil, mesmo com muita gente. Atualmente, mesmo o atendimento médico particular está muito demorado”, contou.

Ações cotidianas

O prefeito Silas Pereira decretou estado de emergência no município em 24 de abril, e todos os esforços estão concentrados para acabar com os focos da dengue. A Prefeitura atua em várias frentes, com pulverização de fumacê e bomba motorizada costal, e também mutirões semanais nos bairros, além de uma nova força-tarefa que percorre ruas e avenidas cortando mato e fazendo capina, desde o início de abril.
O menino Breno Lemos de 10 anos, estava acompanhado da mãe, Vanessa Ribeiro Lemos, deixando a tenda de hidratação. Ele foi diagnosticado, medicado e disse que já se sentia melhor. A mãe estava muito satisfeita pois disse que desde o atendimento até a liberação eles permaneceram  cerca de meia hora. “Foi bem rápido, logo ele já foi atendido, os médicos trabalham com agilidade. Gostei muito do atendimento aqui”, disse Vanessa.

O trabalho de atendimento nas tendas permanece até o fim de maio. A Secretaria de Saúde orienta os cidadãos com suspeita de dengue para procurar diretamente a SELT para atendimento. O endereço é rua João Pomárico, s/nº, bairro Padre Dehon.

Vigilância em Saúde receberá mais 13 novos equipamentos para os agentes de endemias

A Vigilância em Saúde receberá, ainda neste mês de maio, mais 13 novos equipamentos de proteção individual de uso dos agentes de combate a endemias, para as ações desenvolvidas contra a dengue no município – luvas, máscara facial com filtro, aventais, viseiras, abafadores auditivos e filtros multigases.
Parte dos equipamentos chegaram na tarde do dia 8 de maio, para compor os materiais já utilizados pelos agentes durante a pulverização do Fumacê. Assim que todos os equipamentos adquiridos pela Secretaria em Saúde estiverem disponíveis, os agentes de endemias passarão por uma capacitação.
Os novos materiais também garantirão mais segurança e conforto para os servidores, além da qualidade dos serviços de combate ao mosquito Aedes aegypti na cidade.


Definido novo ciclo de pulverização do fumacê costal
A Vigilância em Saúde definiu o cronograma de aplicação do inseticida para combater a dengue para esta semana. Nesta segunda-feira (18/05) a ação, realizada por meio da bomba motorizada costal - feita em grandes espaços, como cemitérios e ferros-velhos, será aplicada em residências onde o caminhão do fumacê não conseguiu chegar. Inicialmente a ação acontecerá próxima a algumas casas do bairro Joaquim Sales. Em seguida será realizada nos condomínios Aldeia de Sagres e Stone Village, no bairro Centenário. Na última sexta-feira (15/05), a aplicação do fumacê no bairro foi concluída no condomínio Província de Lucca, também localizado no bairro Centenário.
Mutirão estará presente esta semana no bairro José Cicarelli Filho
Os mutirões de combate à dengue seguem em ritmo intenso no município. De acordo com o cronograma da Vigilância em Saúde, a partir desta 2ª feira (18/05) os agentes de endemias estarão no bairro José Cicarelli Filho para orientar os moradores sobre as medidas necessárias para combater a proliferação do mosquito transmissor da doença. As ações prosseguem até sexta-feira (22/05), dia em que é realizado o mutirão ampliado da semana: um grande bota-fora, com a limpeza do bairro por meio da capina, varrição, além da retirada de entulhos com o apoio de um caminhão.
Na semana do dia 25/05, o mutirão será realizado no bairro Cascalho; 02/06, Dona Wanda e 09/06, Novo Horizonte.
Nº de casos
Até esta segunda-feira (18/05), dia em que são consolidados os números da semana anterior, o município registra 4.823 notificações e 1.756 casos confirmados. Os bairros com maior número de notificações permanecem os mesmos: Cohab, Nossa Senhora de Lourdes e Lavrinhas.
Uma semana tem mais de 10 mil minutos. Que tal usar apenas 15 deles para combater a dengue dentro de casa?
Elimine todos os focos de água parada em sua residência: pratinhos de vasos de plantas; pneus e garrafas PET, entre outros. Mantenha sempre a lixeira tampada. Caso tenha, limpe a piscina uma vez por semana e trate a água com cloro. Verifique se a vedação da caixa d' água está correta. Mantenha a tampa do vaso sanitário sempre fechada. Seque e guarde em local aberto todos os materiais em uso e que possam acumular água. O ovo do mosquito transmissor resiste por mais de um ano e, caso haja nova presença de água, o ciclo evolutivo é retomado.

POSTAGENS MAIS VISTAS

ARQUIVO DO BLOG